Arquivo da tag: Falcão

O sábado tem Santos x Palmeiras

Não é um contra o outro: o Santos visitará o Figueirense no Orlando Scarpelli às 18h30, o Palmeiras será o anfitrião do Sport às 21 no Pacaembu.

Lá e cá, porém, estará em jogo a posição de um e outro na linha de frente do Brasileirão: o Santos, com 49 pontos, fecha o G-4; o Palmeiras, com 48, quer a vaga.

Embora tenha 15 pontos de vantagem sobre o adversário desta noite na tabela de classificação, o Santos dificilmente terá vida fácil em Florianópolis, até porque não contará com Gabigol, suspenso, e Thiago Maia, contundido.

É verdade que, a apenas um ponto da zona de rebaixamento, o Figueirense não terá seu maior destaque no campeonato, o jovem atacante Clayton, também suspenso. Em seu último jogo em casa, a equipe do técnico Hudson Coutinho bateu o Flamengo por 3 a 0, mas Clayton estava lá – e fez dois gols.

Obrigado a vencer, pois tem também o São Paulo, o Inter e a Ponte em seu encalço, o time de Dorival Júnior levou na bagagem o maior problema para se garantir por conta própria no G-4 – o retrospecto de apenas uma vitória nos 15 jogos que já disputou fora de casa no Brasileirão.

Inversamente, é a maior vantagem que o Palmeiras terá no confronto com o Sport um pouco mais tarde.

Agora sob o comando de Paulo Roberto Falcão, o time pernambucano ainda tem remotas chances de chegar ao G-4, mas é o único que não ganhou um jogo sequer como visitante em todo este Brasileirão. Em compensação, adora uma coluna do meio: empatou nove dos 15 jogos fora de casa.

E um empate no Pacaembu pode custar até três posições ao Palmeiras no final da 32ª rodada.

Para dificultar a vida dos palmeirenses, especula-se que Marcelo Oliveira, forçado pela contusão de titulares importantes como Gabriel, Arouca e Robinho e disposto a preservar forças para o tira teima com o Fluminense pela vaga na final da Copa do Brasil, escalará contra o Sport o seguinte time: Fernando Prass, João Pedro, Jackson, Leandro Almeida, João Paulo, Thiago Santos, Matheus Sales, Mouche, Allione,  Rafael Marques e Cristaldo.

O Sport pode conseguir no Pacaembu sua primeira vitória fora de casa no Brasileirão. O Santos lhe será agradecido.

Você não imagina quem vai salvar o nosso futebol

Nem todos os citados na nota Em busca da salvação, CBF reconvoca demitidos, a terceira abaixo, compareceram à primeira reunião do Conselho de Desenvolvimento Estratégico do Futebol Brasileiro na CBF, mas a ausência de Mano Menezes, Emerson Leão e Vanderlei Luxemburgo certamente foi compensada pela presença ilustre de Ernesto Paulo.

Não sabe quem é? Na última década, foi técnico do Ameriquinha, da Cabofriense, da seleção olímpica da Arábia Saudita, do Campo Grande, do Juventus (de Santa Catarina), do Veranópolis e do União da Madeira (da terceira divisão de Portugal).

Mais do que o currículo tão variado desses anos, sua presença na reunião de hoje valeu pela enorme bagagem que acumulou como treinador da Seleção Brasileira. Foi ele que, entre os mandatos de Paulo Roberto Falcão e Carlos Alberto Parreira, comandou a Seleção no amistoso de 11 de setembro de 1991 com o País de Gales em Cardiff.

Resultado: País de Gales 1 x 0 Brasil. E aquele Brasil tinha Taffarel, Jorginho, Cafu, Márcio Santos, Mauro Silva e Bebeto, que viriam a ser campeões do mundo em 1994 sob o comando de Parreira.

A presença de Ernesto Paulo na reunião desta segunda-feira na CBF garante o “desenvolvimento estratégico do futebol brasileiro”.

Em busca da salvação, CBF reconvoca demitidos

É hoje a primeira reunião do tal Conselho de Desenvolvimento Estratégico do Futebol Brasileiro com Dunga e Gilmar Rinaldi para dar um jeito na Seleção.

São esperados na CBF os conselheiros Mano Menezes, Carlos Alberto Parreira, Mario Jorge Lobo Zagallo, Emerson Leão, Vanderlei Luxemburgo, Paulo Roberto Falcão e Sebastião Lazaroni.

Deve ser mera coincidência que todos eles, inclusive os campeões mundiais Parreira e Zagallo, tenham sido anteriormente demitidos pela CBF do emprego de treinador da Seleção.