Arquivo mensal: agosto 2015

Acabou

Em 1h11 de jogo, por um triplo 6/1, nosso Feijão perdeu para Novak Djokovic, o número 1 do mundo e se despediu do US Open.

Anúncios

Luxemburgo procura 16º emprego neste milênio

Saído há pouco do Cruzeiro, que já havia comandado de 2002 a 2004, Vanderlei Luxemburgo era o técnico da Seleção em 2000. Demitido após a Olimpíada de Sydney, também passou nos anos seguintes por:

♦ Corinthians

♦ Palmeiras – duas vezes

♦ Santos – três vezes

♦ Real Madrid

♦ Atlético Mineiro

♦ Flamengo – duas vezes

♦ Grêmio

♦ Fluminense

Luxemburgo: seis vitórias, três empates e dez derrotas com o Cruzeiro

Luxemburgo: a China como destino?

Não completou 90 dias de trabalho nesta segunda passagem pelo Cruzeiro, que em 2003 havia conquistado sob seu comando o Campeonato Mineiro, a Copa do Brasil e o Campeonato Brasileiro.

Agora, entre 3 de junho e 30 de agosto, Luxemburgo comandou o time em 19 jogos, 17 pelo Brasileirão e dois pela Copa do Brasil, com resultados decepcionantes: seis vitórias, três empates e dez derrotas.

Luxa vai agora em busca do 16º emprego em apenas 15 anos. Talvez na China.

 

Copa do Brasil: paulistas podem dominar semifinais

O futebol paulista tem tudo para emplacar três dos quatro semifinalistas na Copa do Brasil.

Ficaram assim os confrontos das quartas de final, sorteados há pouco na CBF:

Chave 1: São Paulo x Vasco

Chave 2: Figueirense x Santos

Chave 3: Palmeiras x Internacional

Chave 4: Grêmio x Fluminense

Confrontos das semifinais:

♦ Vencedor da chave 1 x vencedor da chave 2

♦ Vencedor da chave 3 x vencedor da chave 4.

Muito provavelmente, veremos São Paulo x Santos e Palmeiras x Grêmio.

E os finalistas?

Basta de brincar de Mãe Dinah.

Gabigol agradece ao Fenerbahçe em turco, mas fica aqui

Gabigol no Facebook 318xGabriel, no Facebook: “Aos 19 anos, sinto que ainda não cumpri minha missão no Santos”

Mensagem postada  há pouco pelo garoto Gabriel Barbosa Almeida, o Gabigol, em sua conta no Facebook, com o título em português, inglês e turco:

OBRIGADO! THANK YOU! TEŞEKKÜR EDERİM!

Amigos,
Fiquei quieto durante esses últimos dias lendo as notícias que se passaram sobre minha possível transferência, mas hoje resolvi falar e dar uma satisfação a vocês.

Esse fim de semana eu e minha família tivemos uma conversa com meu empresário, que nos apresentou uma proposta do Fenerbahçe (Turquia).

Me sinto valorizado profissionalmente em saber que um clube da dimensão do Fenerbahçe teria interesse em contar comigo no elenco. Um clube de grande expressão europeia, pelo qual atuaram Alex, Roberto Carlos, Deivid, Zico. Inclusive gostaria de agradecer as inúmeras mensagens que recebi dos torcedores turcos pelas redes sociais!

No entanto, hoje, aos 19 anos, sinto que ainda não cumpri minha missão pelo Santos Futebol Clube. Aqui aprendi a dar os meus primeiros passos dentro do futebol. Por isso quero permanecer e retribuir ainda mais o carinho dessa torcida fenomenal!!!

Comunico a vocês que minha resposta ao Santos é a mesma que passei ao meu empresário. Quero continuar aqui, conquistar todos os títulos que disputaremos, fazer história, tornando assim possível meu sonho da convocação para a nossa Seleção Brasileira.

Obrigado,
Gabriel B.

Repetindo o comentário postado na nota Turcos querem levar Gabriel, mas Gabriel não quer jogar na Turquia, que você pode conferir clicando aqui: parece que algo está mudando na cabeça dos jovens craques e esta talvez seja a melhor novidade do futebol brasileiro nesta temporada.

Neymar tem números de veterano com a camisa da Seleção

Neymar: já em Nova Jersey – Foto: Bruno/CBF

Neymar: já nos EUA – Foto: CBF

Dos 23 jogadores que desembarcam hoje em Nova Jersey para os amistosos com a Costa Rica, dia 5, e os Estados Unidos, dia 8, somente Kaká vestiu mais vezes do que Neymar a camisa da Seleção Brasileira.

Kaká, 33 anos, já fez 87 jogos pelo Brasil. Neymar, dez anos mais jovem, fez 65 jogos.

São 6.255 minutos de Kaká em campo, 5.544 de Neymar.

Kaká marcou 28 gols; Neymar, 44.

A matemática joga a favor do Corinthians

Ainda faltam 17 rodadas, mas o Corinthians é o favorito disparado na briga pelo título brasileiro, com 73% de chances de levar o caneco, segundo o matemático Tristão Garcia em seu site Infobola .

Em segundo lugar, claro, está o Atlético Mineiro, que, a esta altura do Brasileirão, tem 20% de chances de ser o campeão.

Lá embaixo, o Vasco chegou a 98% de possibilidades de despachar Eurico Miranda para a Sibéria em 2016.

Tristão Garcia é professor da Escola de Engenharia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Sabe o que calcula.