Arquivo da tag: Montreal

As anfitriãs estão fora da luta pelo título mundial

Um gol da reserva Mana Ywabuchi a três minutos do final do jogo, apenas 15 depois de entrar em campo, deu a vitória ao Japão sobre a Austrália no primeiro jogo deste sábado pelas quartas de final do Mundial de Futebol Feminino.

No jogo que se encerrou há pouco, as inglesas levaram as anfitriãs canadenses ao choro. Por 2 a 1, placar construído no primeiro tempo, a Inglaterra venceu o Canadá. Jodie Tayler fez 1 a 0 logo aos 11 minutos, Lucy Bronze ampliou aos 14, e a canadense Christine Sinclair diminuiu aos 42.

Assim, Japão e Inglaterra se classificaram para as semifinais e vão se enfrentar na quarta-feira, 1º de julho, em Edmonton.

Não foi tão fácil quanto se imaginava, mas, na sexta-feira, alemãs e norte-americanas já se tinham garantido nas semifinais.

Louisa Necib fez 1 a 0 para a França aos 19 do segundo tempo, a Alemanha chegou ao 1 a 1 a seis minutos do final, com um gol de pênalti cobrado por Celia Sasic. Depois da prorrogação sem gols, as alemãs ganharam a vaga, nos pênaltis, por 5 a 4.

Os EUA sofreram menos diante da China. Carli Lloyd garantiu a vitória por 1 a 0 aos 6 minutos do segundo tempo.

Na terça, dia 30, alemãs e norte-americanas farão em Montréal o primeiro jogo das semifinais.

Anúncios

Nesta sexta, entram em campo as campeãs

Começam amanhã, dia 26, as quartas de final do Mundial de Futebol Feminino:

♦ China x EUA

♦ Alemanha x França

No sábado, mais dois jogos:

♦ Austrália x Japão

♦ Inglaterra x Canadá

Dando de barato que norte-americanas e alemãs vencerão amanhã, as semifinais serão marcadas pelo confronto entre as maiores favoritas ao título.

Exercício de adivinhação é sempre um jogo de altíssimo risco no futebol, mas dificilmente a campeã mundial não será a vencedora de EUA x Alemanha na primeira partida das semifinais, no dia 30, terça-feira que vem, em Montréal.

Dê o quer de daqui para frente, a gente fica na torcida para que a norte-americana Abby Wambach não marque mais nenhum gol até a final e, assim, continue atrás da nossa Marta na artilharia dos Mundiais (Leia mais em Marta 15 x 14 Abby Wambach).

Brasil x Espanha vale vaga nas oitavas

Andressa Alves: a força do contra-ataque - Foto: CBF

Andressa Alves: a força do contra-ataque – Foto: CBF

Se vencer a Espanha neste sábado (às 17 horas daqui), o Brasil de Marta e Formiga garantirá antecipadamente a presença nas oitavas de final do Mundial de Futebol Feminino disputado no Canadá.

Na rodada de abertura, a Espanha empatou com a Costa Rica por 1 a 1 e o Brasil venceu a Coreia do Sul por 2 a 0, mas Vadão espera dureza no Estádio Olímpico de Montreal:

– A tendência é ser um jogo muito equilibrado, muito difícil. Nós sabemos que a Espanha fez uma campanha muito boa nas eliminatórias; foi incontestavelmente a melhor equipe, se classificando em primeiro lugar.

De fato, a Espanha venceu nove dos dez jogos eliminatórios antes de chegar, pela primeira vez, ao Mundial. Andressa Alves, destaque no meio de campo do Brasil, tem a receita para encarar as espanholas:

– O futebol delas é um pouco mais parecido com o nosso e, pelo fato de terem empatado a primeira partida, devem sair mais para o jogo e a gente espera aproveitar o contra-ataque, que é o nosso ponto forte.