Arquivo da tag: Corrupção

Com conhecimento de causa

Chamada na primeira página do portal Globo.com: Corrupção e direitos de TV é o elo entre acusados.

Erro de concordância à parte, o portal das Organizações Globo sabe do que está falando.

Para ler todo o texto, Corrupção e direitos de TV: o elo comum entre acusados do Caso Fifa, clique aqui.

Futebol também se joga fora de campo. E como!!!

Notícias desta quinta-feira, 17 de setembro:

♦ Depois que jornais importantes de todo o mundo, incluindo o Estadão, informaram que Jérome Valcke está sendo investigado por participação num esquema de venda de ingressos da Copa do Mundo de 2014 que lhe teria rendido 2 millhões de euros, a Fifa divulgou um comunicado oficial anunciando “que seu Secretário Geral foi liberado de suas funções imediatamente até segundo aviso”.

♦ A Justiça suíça aprovou a extradição para os Estados Unidos do uruguaio Eugenio Figueredo, ex-presidente da Conmebol e vice-presidente da Fifa.

♦ Marcos Polo Del Nero, presidente da CBF, fez questão de se sentar ao lado do técnico Dunga durante o anúncio dos 23 jogadores convocados para os jogos contra o Chile e a Venezuela pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018, mas se recusou a informar se viajará com a Seleção a Santiago: “Em momento oportuno, falarei sobre esse assunto. Neste instante, não vamos falar disso.”

Procuradores ampliam as investigações sobre a Fifa

Informação bem-humorada do procurador suíço Michael Lauber sobre a apuração de denúncias de corrupção na Fifa e seus satélites:

– Este caso demorará muito mais do que 90 minutos. A investigação não está nem no intervalo.

Lauber falou com os jornalistas no começo da tarde em Zurique, tendo ao lado a procuradora norte-americana Loretta Lynch, que revelou:

– Nossa investigação continua em andamento e foi expandida desde maio. Estamos seguindo as evidências até onde nos levam. Agradeço a cooperação significativa e as evidências substanciais que recebemos de muitos lugares. Com base nessa cooperação e em novas evidências, novas acusações devem ser feitas.

Por aqui, tudo indica que a CBF continuará economizando dinheiro com as viagens presidenciais. Tão cedo o presidente Marco Del Nero não sairá do País.

.

O empresário sugere: pergunte ao presidente

Diálogo entre o ótimo repórter Martín Fernandez e o empresário José Margulies, mais conhecido como José Lázaro, um dos indiciados pelo FBI no inquérito sobre corrupção na Fifa:

 – O senhor está sendo procurado, foi citado na investigação…
Estou citado, mas não tem nada contra mim.

– O senhor é inocente?
– Estou considerado como um facilitador, mas não tem nada contra mim.

– A prisão do Marin e dos demais o surpreendeu?
Em parte, sim.

– O senhor acreditava que não havia motivo para eles serem presos?
– Eu não sabia que estavam investigando isso.

– O senhor pode colaborar com as investigações?
Não sei. Depende, depende.

– O senhor disse que era um facilitador. Que tipo de trabalho o sr. fazia?
Não sei, tenho que ver o processo, estou esperando para ver o processo. Não tem nada contra mim.

– Marco Polo Del Nero estava envolvido?
Não sei. Pergunte para ele.

A entrevista inteira foi  publicada há pouco no GloboEsporte.com. Clique aqui   para ler.

Cada um com seu cardápio

A edição de julho da revista GQ traz uma entrevista com Rodrigo Paiva, que assessorou craques como Romário e Ronaldo e, por mais de uma década, trabalhou como diretor de comunicação da CBF.

Na edição digital, é possível ler um pequeno trecho do material impresso. Por exemplo:

GQ – Você foi assessor na CBF por 13 anos, e saiu meses antes do escândalo de corrupção vir à tona. A CBF é corrupta?

RODRIGO PAIVA – Seria leviano dizer se há ou não há corrupção lá. Quem tem de provar isso é a Justiça. Não vi, não vivi. Tenho minha opinião. Vou fazer uma analogia. Digamos que eu seja vegetariano, mas toda quinta-feira o pessoal do trabalho vá ao Porcão. Como eles sabem que eu não como carne, não me chamam. Então, não sei, nunca fui chamado.

Ainda bem que os ianques estão chegando

Diante das notícias que estão chegando da Suíça e podem ser lidas em todos os portais sobre a prisão de pelo menos sete destacados cartolas das Américas a pedido de autoridades norte-americanas, incluindo o brasileiro José Maria Marín,  cabe uma pergunta: será que virá dos Estados Unidos a faxina que o mundo da bola pede há tanto tempo?

Confira no UOL, no Globo.com, no IG e no Terra.

Atualização

A prisão de altos dirigentes e ex-dirigentes do futebol e a condenação do empresário J. Hawilla pela Justiça dos Estados Unidos, que inclui uma multa de US$ 151 milhões, são a manchete da edição digital de alguns dos principais jornais do mundo, como The New York Times, The Guardian e Le Monde. A exceção é El País, que baixa a bola na primeira página de sua edição espanhola e, um pouco menos,  na edição brasileira.

Dê também uma olhadinha em Tiro Livre.