Arquivo da tag: FBI

Ele não sabe o que diz. Ou sabe?

O deputado Marcus Antônio Vicente, novo presidente da CBF, foi chegando e avisando:

– Estou vindo para dar continuidade ao belo trabalho de Del Nero.

O FBI que não o ouça.

Anúncios

Del Nero sai da Fifa e Ronaldo pede que deixe também CBF

Marco Polo Del Nero não faz mais parte do Comitê Executivo da Fifa.

Desgostoso com o resto do mundo desde que o parceiro José Maria Marin e vários outros dirigentes do futebol internacional foram presos em Zurique, a ponto de se recusar a sair do Brasil até para ir ao Paraguai, o presidente da CBF se reuniu hoje de manhã no Rio com dirigentes da Conmebol para acertar que seu vice Fernando Sarney o substituirá nos altos escalões da Fifa.

Agora vão pipocar os pedidos para que Del Nero saia também da CBF. Ronaldo, o Fenômeno, abriu a lista:

– Eu acho que ele deve sair. Ele tem evitado ir aos jogos, parece que está fugindo de alguma coisa.

Do que fugiria o presidente Marco Polo Del Nero?

Talvez o FBI saiba.

Atualização

Somente às 15h57, o site da CBF  publicou a informação, em Nota Oficial:

O presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Marco Polo Del Nero, comunica que solicitou, nesta quinta-feira (26), junto à Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) o seu desligamento do Comitê Executivo da FIFA. Indicou para a sua vaga o vice-presidente da CBF, Fernando Sarney, cujo nome foi aprovado por unanimidade na reunião desta manhã.

Del Nero informa também que permanecerá com sua cadeira no Comitê Executivo da Conmebol e que, neste momento, optou por dar atenção integral aos debates e temas do futebol brasileiro.

 Há pouco mais de um mês, no dia 11 de outubro, em outra Nota Oficial  a CBF tinha publicado:

Não procede a informação que Marco Polo Del Nero tenha ameaçada sua posição no Comitê Executivo da FIFA.

Procedia, confirmou-se hoje. Naquela Nota, a CBF dizia ainda:

Não há nenhuma prova de que Marco Polo Del Nero seja investigado pelo FBI. Vale lembrar, quando existente, uma investigação não significa uma condenação.

Aguardam-se novas Notas Oficiais.

Copa América vai festejar os 100 anos nos EUA

Atenção, atenção: a alta cartolagem da Conmebol e da Concacaf reuniu-se nesta sexta-feira em Miami e confirmou a realização da edição de 100 anos da Copa América no ano que vem nos Estados Unidos.

Em comunicado conjunto, as confederações informam que a competição terá “uma estrutura totalmente nova para cuidar das operações e das finanças do torneio”.

Tradução: o pessoal que já foi pego pelo FBI está fora.

Os tempos são outros, prometem Conmebol e Concacaf: “Uma melhor estrutura de controle vai proporcionar uma maior prestação de contas e transparência do evento”.

E mais: “Todas as partes envolvidas na Copa América Centenário concordaram em formar um novo Comitê Executivo, composto por dois representantes da Conmebol, dois representantes da Concacaf  e um representante de futebol da U.S. Soccer, para gerenciar operações e finanças do torneio no dia a dia.”

Antes mesmo da reunião em Miami, as confederações já tinham prometido que, “conjuntamente com o operador local do torneio, vão identificar novos sócios para vender os direitos comerciais utilizando um processo novo e transparente”.

Novos processos e transparência são promessas para o futuro. Por enquanto, nem o FBI sabe quem vai operar localmente o torneio. Talvez desconfie.

Assim falou Romário

Romário: “É preciso agradecer ao FBI"

Romário: “É preciso agradecer ao FBI”

Pitacos de Romário em entrevista ao correspondente Éric Frosio, publicada hoje pelo jornal L’Équipe (para ler em francês, pagando € 0,99, clique aqui):

♦ Platini colaborou muitos anos com esta máfia na Fifa. Não digo que ele é corrupto, mas foi contaminado pelo sistema. Se for eleito, poderá manter tudo isto e a Fifa vai continuar sendo a merda que vemos hoje.

♦ É preciso agradecer ao FBI pelo trabalho que tem questionado os dirigentes da Fifa.

♦ O Brasil não tem nenhum jogador digno de vestir a camisa 9.

♦ As outras seleções são ainda piores do que o Brasil. Portanto, tenho certeza de que vamos nos classificar para a Copa.

Presidente diz que não larga CBF, mas há quem duvide

Informa a CBF em “nota de esclarecimento”  postada há alguns minutos em seu site site:

– O presidente Marco Polo Del Nero esclarece que jamais cogitou ou externou a quem quer que seja a possibilidade de se licenciar do exercício da presidência da Confederação Brasileira de Futebol.

E diz mais a nota:

– O dirigente reitera que cumprirá integralmente o mandato de quatro anos para o qual foi democraticamente eleito por federações e clubes.

Sobre esta segunda parte, existem dúvidas entre dirigentes de clubes e de federações, jornalistas que acompanham as investigações na Fifa e até altos funcionários do FBI.

O empresário sugere: pergunte ao presidente

Diálogo entre o ótimo repórter Martín Fernandez e o empresário José Margulies, mais conhecido como José Lázaro, um dos indiciados pelo FBI no inquérito sobre corrupção na Fifa:

 – O senhor está sendo procurado, foi citado na investigação…
Estou citado, mas não tem nada contra mim.

– O senhor é inocente?
– Estou considerado como um facilitador, mas não tem nada contra mim.

– A prisão do Marin e dos demais o surpreendeu?
Em parte, sim.

– O senhor acreditava que não havia motivo para eles serem presos?
– Eu não sabia que estavam investigando isso.

– O senhor pode colaborar com as investigações?
Não sei. Depende, depende.

– O senhor disse que era um facilitador. Que tipo de trabalho o sr. fazia?
Não sei, tenho que ver o processo, estou esperando para ver o processo. Não tem nada contra mim.

– Marco Polo Del Nero estava envolvido?
Não sei. Pergunte para ele.

A entrevista inteira foi  publicada há pouco no GloboEsporte.com. Clique aqui   para ler.

Que autoridade tem a Uefa para censurar a torcida?

A Uefa resolveu multar em 30 mil euros o Barcelona por conta das manifestações de seus torcedores favoráveis à independência da Catalunha durante a final da Liga dos Campeões da Europa em Berlim no dia 6 de junho.

Será que vai multar também o treinador  Pep Guardiola, que há dois dias assinou uma lista em apoio à independência da Catalunha?

É inadmissível que entidades esportivas censurem manifestações pacíficas de torcedores e esportistas.

Aliás, a Uefa deveria estar mais preocupada com as frequentes manifestações racistas em estádios europeus e com o que se anda revelando em federações e confederações de futebol, inclusive na Fifa, depois que o FBI resolveu entrar em campo.