Arquivo da tag: Marcelo Grohe

Seleção interfere em quatro rodadas do Brasileirão

Saiu a programação da Seleção Brasileira para os amistosos do dia 5 de setembro, com a Costa Rica em Nova Jersey, e do dia 8, com os EUA em Boston.

A apresentação dos jogadores que atuam no Brasil está marcada para as 19 horas de 30 de agosto, domingo, no Aeroporto de Congonhas.

Ou seja: antes de viajar, Marcelo Grohe pode defender o Grêmio contra o Coritiba e Alisson pode defender o Internacional contra o Avaí, pois esses dois jogos da 21ª rodada do Brasileirão serão disputados às 11 horas.

Já o Atlético Mineiro não terá Douglas Santos contra o Fluminense, o Corinthians não terá Elias contra a Chapecoense e o Santos não terá Lucas Lima contra o Cruzeiro.

E todos continuarão desfalcados de suas estrelas nas três rodadas seguintes.

Quando sair a programação da seleção olímpica, que jogará no dia 8 de setembro contra a França em Lyon, saberemos quanto tempo o Luan, Luciano e Otávio, jovens destaques deste brasileirão, também ficarão longe de Grêmio, Corinthians e Atlético Paranaense.

Grêmio tira Atlético da liderança e entra na briga pelo titulo

Douglas: gol em noite brilhante no Mineirão

Douglas: com direito a gol, noite brilhante no Mineirão

O Atlético Mineiro caiu na armadilha do Grêmio e, no Mineirão tomado por quase 50 mil torcedores, perdeu em dois contra-ataques fatais o jogo e a liderança do Brasileirão.

Os 2 a 0, com gols de Douglas e Luan, colocam o Grêmio em terceiro lugar, a apenas quatro pontos do líder Corinthians.

Foi mais um belo jogo nesta 18ª rodada, marcado no primeiro tempo pelo estilo ofensivo do Atlético, que insistiu em procurar o gol até abrir o amplo espaço em seu campo de defesa que o Grêmio aproveitou em contra-ataque trabalhado desde sua área até a troca de passes entre Douglas e Giuliano que se encerrou com o gol do camisa 10 aos 40 minutos.

O Atlético nem teve tempo de ensaiar a reação no segundo tempo, pois o garoto Luan, concluindo em outro rapidíssimo contra-ataque uma precisa troca de passes com Douglas e Giuliano, fez 2 a 0 logo aos 9 minutos. O trio brilhou em todo o jogo.

Levir Culpi resolveu arriscar ainda mais e trocou o volante Leandro Donizete pelo atacante Luan, que a torcida mineira pedia desde o intervalo.

Se o jogo com um Luan já era bom, ficou mais animado ainda com os dois em campo.

E o Atlético continuou martelando no ataque, procurando insistentemente o gol, criou algumas boas chances, chegou a acertar o poste direito de Marcelo Grohe em chute de Dátolo, mas não conseguiu dobrar a boa marcação gremista.

A torcida atleticana reconheceu o esforço, tanto que aplaudiu o time no final do jogo e abriu o berro:

– Galo, Galo, Galo.

O Grêmio está na briga direta pelo título e o Corinthians lhe dá boas vindas.

Inter pensa na Libertadores, Grêmio joga Copa do Mundo

Diego Aguirre: segundo Gre-Nal - Imagem: Beneclick

Diego Aguirre: segundo Gre-Nal – Imagem: Beneclick

Finalmente vivendo alguns dias de merecida paz no comando técnico do Internacional, Diego Aguirre disfarça, disfarça, mas não consegue esconder de todo que dá mais importância aos jogos com o Atlético Mineiro por uma vaga nas quartas de final da Libertadores do que ao duplo Gre-Nal que definirá o campeão gaúcho da temporada.

Tudo indica que o uruguaio não escalará todos os titulares amanhã, dia 26, na Arena do Grêmio, mas o discurso é outro:

– Seria muito importante marcar um gol lá É similar ao que acontece na Libertadores. É a mesma definição de confronto em mata-mata. Então, obviamente precisamos fazer um bom jogo e tentar encaminhar a classificação. Claro, marcar um gol seria bom; dois, melhor ainda.

No Grêmio, Felipão é certeza absoluta:

– Será aquele mesmo time dos últimos jogos. Não tem surpresa nenhuma.

Para os colorados, o título do Gauchão não vale tanto quanto a Libertadores, mas, “para o Grêmio, o Campeonato Gaúcho é Copa do Mundo”, como fez questão de dizer, durante a semana, o goleiro Marcelo Grohe.

Este Gre-Nal que aos corações gremistas se assemelha à decisão de uma Copa do Mundo é o primeiro do treinador Diego Aguirre, mas será o segundo em sua carreira de futebolista: na semifinal do Campeonato Brasileiro de 1988, ele entrou em campo quando o Inter tinha um homem a menos e foi peça fundamental na vitória, de virada, por 2 a 1.

É claro que não se pode comparar as finais deste Gauchão àquele que ficou conhecido como Gre-Nal do século, mas também este duplo embate de 2015 carrega um ingrediente histórico. O título gaúcho será decidido pela 25ª vez num Gre-Nal. E o jogo está empatado: 12 a 12.