Arquivo da tag: Internacional

Um prêmio de consolação para os colorados

Como dizem os gaúchos, o Internacional andou costeando o G-4, mas ficou de fora por dois pontos.

O quinto lugar do Brasileirão, embora frustrante, lhe reserva um prêmio de consolação além da cota de R$ 2,2 milhões que lhe pagará a CBF: a entrada diretamente na fase de oitavas de final da Copa do Brasil de 2016, livrando-o dos jogos cansativos e deficitários das fases iniciais.

Se não tivesse vencido o Cruzeiro neste domingo, o Inter perderia tais benesses para o Sport.

Anúncios

O Mazembe está voltando

Você se lembra do Mazembe?

Os colorados não esquecem. Foi o time que tirou o Internacional da decisão do Mundial de Clubes de 2010 ao derrota-lo nas semifinais por 2 a 0.

Pois o vice-campeão de 2010 está quase de volta ao Mundial de Clubes.

Venceu o USM Argel por 2 a 1 no primeiro jogo das finais da Liga de Campeões da África e agora pode até empatar o jogo de volta no Congo que ficará com o título africano e a vaga no Mundial.

E não é que o Inter e o time brasileiro que esteve mais perto de ir ao Japão no mês que vem?

River e Sportivo Luqueño ajudam times que brigam pelo G-4

Ninguém deu muito bola para a desclassificação do Atlético Paranaense e da Chapecoense nas quartas de final da Copa Sul-Americana, mas se trata de dupla boa notícia para os times que ainda estão na briga por vaga no G-4 do Camnpeonato Brasileiro.

O campeão da Copa Sul-Americana tem direito a uma das vagas do seu país na Libertadores de 2016 – e, portanto, se fosse o Atlético ou a Chapecoense, o G-4 do Brasileirão seria reduzido para G-3, com os lugares já ocupados por Corinthians, Atlético Mineiro e Grêmio.

Santos, São Paulo, Internacional, Sport, Palmeiras e Ponte Preta devem a chance de continuar na briga pela Libertadores ao River Plate, que desclassificou a Chapecoense, e ao Sportivo Luqueño, que desclassificou o Atlético Paranaense.

Melhor ainda para os demais pretendentes: como o campeão da Copa do Brasil também tem presença garantida na Libertadores, o quinto colocado no Brasileirão pode sonhar com a vaga.

Basta que o campeão da Copa do Brasil, Santos ou Palmeiras, também se garanta no G-4.

Vaga no G-4: a matemática é uma caixinha de surpresas

Disputadas 32 rodadas do Brasileirão, seis times ainda são candidatos reais à quarta vaga no G-4, que já têm como inquilinos o Corinthians, o Atlético Mineiro e o Grêmio.

Curiosamente, há pouca concordância sobre as chances candidatos entre os sites que fazem análises e projeções matemáticas para as próximas seis rodadas.

Infobola, Departamento de Matemática da Universidade Federal de Minas Gerais   e Chance de Gol  indicam o Santos como o Grande favorito à quarta vaga e colocam Sport e Ponte Preta na rabeira da lista de pretendentes, mas discordam bastante sobre os números e chances de São Paulo, Palmeiras e Internacional.

Confira os números de cada um:

Infobola

Santos – 33%

Inter – 24%

São Paulo – 22%

Palmeiras – 12%

Sport – 10%

Ponte – 6%

Departamento de Matemática da UFMG

Santos – 32%

Inter – 26.6%

São Paulo – 18.8%

Palmeiras – 14%

Sport – 8.5%

Ponte – 7.6%

Chance de Gol

Santos – 60.8%

Palmeiras – 13.3

São Paulo – 12.1%

Inter – 11%São Paulo

Sport – 6.7%

A Copa é do Sul e do Sudeste

O mapa encolheu.

Dos 27 estados e mais o Distrito Federal que entraram na Copa do Brasil, vão continuar quatro estados do Sul e do Sudeste:

Rio Grande do Sul, com Internacional, que venceu Ituano há pouco por 2 a 1, e Grêmio, que acaba de vencer o Coritiba por 3 a 1

Santa Catarina, com Figueirense

São Paulo, com Santos, Palmeiras e São Paulo

Rio, com Vasco e Fluminense.

Na segunda-feira, 31 de agosto, a CBF sorteará os cruzamentos das quartas de final.

A sorte pode, então, determinar o andamento da competição, pelo menos em parte.

Antes que as bolinhas do sorteio indiquem os próximos confrontos, estão na briga pelo título, em ordem decrescente de favoritismo, o Grêmio, o Santos, o Palmeiras, o Fluminense, o São Paulo e o Internacional.

Vasco e Figueirense já chegaram longe demais, a menos que sejam sorteados para se enfrentarem por uma vaga nas semifinais.

Reuniões de Sampaioli intrigam dirigentes chilenos

Sampaoli: multa de US$ 12 milhões se deixar o Chile

Sampaoli: rescisão vale US$ 12 milhões

Os dirigentes da Associação Nacional de Futebol Profissional do Chile estão intrigados com as reuniões de Jorge Sampaoli com o mexicano Guillermo Cantu, no fim de semana, e com o brasileiro Vittorio Piffero, ontem, mas apostam que o treinador não aceitará as propostas para comandar a seleção mexicana ou o Internacional.

Entre outras razões, o contrato do técnico da seleção chilena vai até 2018 e prevê uma multa de US$ 12 milhões em caso de rescisão.

O que intriga os dirigentes chilenos é a insistência de Sampaoli em semear dúvidas sobre sua permanência à frente da seleção a tão pouco tempo do início das Eliminatórias da Copa de 2018.