Melhor ainda para o Corinthians

O Atlético Mineiro rateou novamente e perdeu por 2 a 1 para a Chapecoense em Chapecó.

É claro que Levir Culpi vai culpar a arbitragem pelo erro de validar o gol de Apodi após a levada de mão, pois tem sido costume do treinador nos últimos tempos responsabilizar pelos maus resultados do seu time o tamanho do campo, a arbitragem,  a violência dos adversários…

Desta vez, porém, Levir terá razão.

É também verdade que nenhuma outra equipe mostrou futebol tão bonito neste primeiro turno do Brasileirão quanto o Atlético de Levir em seus melhores momentos, mas ninguém pode negar que lhe faltou personalidade para se impor em momentos cruciais, principalmente nas rodadas mais recentes e, portanto, mais decisivas.

E, por ter perdido neste domingo para a Chapecoense e na quarta para o Grêmio e empatado com o Goiás no domingo anterior, o Atlético perdeu a liderança e fecha  o primeiro turno em segundo lugar, a quatro pontos do campeão Corinthians.

O Grêmio de Roger Machado fez o caminho inverso na reta final: goleou o Inter há uma semana, derrotou o Atlético em Minas na quarta e hoje, em casa, virou um jogo difícil com o Figueirense, vencendo por 2 a 1.

E, assim, chegou ao terceiro lugar, com os mesmos 36 pontos que o vice-líder, e está claramente na briga pelo título brasileiro de 2015.

Para o Corinthians, a ascensão gremista é uma ameaça, mas a queda do Atlético foi uma bênção.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s