Copa do Brasil: Santos e Palmeiras candidatam-se ao título

Ricardo Oliveira: gol nos 2 a 1 sobre Corinthians

Ricardo Oliveira: gol nos 2 a 1 sobre Corinthians

Os dois principais candidatos ao título brasileiro de 2015 estão livres de outras obrigações. Depois que o Atlético Mineiro caiu diante do Figueirense, o Corinthians tropeçou mais uma vez diante do Santos, perdendo em casa por 2 a 1, e agora os dois estão dispensados da Copa do Brasil. Podem tratar do Brasileirão em regime de dedicação exclusiva.

Praticamente garantidos na Libertadores de 2016, pois guardam confortável distância dos times que estão na vizinhança do G-4 no Brasileirão, o líder Corinthians e o vice-líder Atlético ganham seis datas de folga em relação aos concorrentes que conseguirem chegar às finais da Copa do Brasil.

O que parece mau resultado nesta  quarta-feira, 26 de agosto, pode valer uma grande festa  em 6 de dezembro, quando se encerrará o Brasileirão.

A  noite da quarta teve festa para os aniversariantes Palmeiras, no Mineirão, e Guiñazu, no Maracanã. O clube é um pouco mais velho, está fazendo 101 anos. O volante vascaíno chegou aos 37. Os dois procuram reconquistar no presente as glórias que eram comuns no passado.

Para o Santos, que deu em Itaquera mais uma demonstração de progresso técnico sob o comando de Dorival Júnior e a liderança em campo de Lucas Lima, a classificação para as quartas de final da Copa do Brasil representa um alento, pois ficou muito difícil recuperar as perdas do primeiro turno e e chegar à linha de frente do Brasileirão.

Os 2 a 1 sobre o Corinthians, com gols do garoto Gabriel e do veterano Ricardo Oliveira, fortalecem a candidatura santista ao título da Copa do Brasil.

Há outros fortes candidatos, como o São Paulo e o Fluminense, sem esquecer que nesta quinta o Grêmio também deve confirmar sua candidatura.

A competição pode ser também o atalho mais conveniente para o Palmeiras chegar à Libertadores. O time de Marcelo Oliveira mostrou no Mineirão em apenas 90 minutos a inconstância que o tem marcado desde o começo da temporada. Largou com folgados 3 a 0, mas permitiu a reação do Cruzeiro e acabou vencendo apenas por 3 a 2.

No Maracanã, o Vasco mostrou mais coragem e disposição do que futebol no 1 a 1 que eliminou o Flamengo. Que mais os vascaínos podem querer nestes tempos de tantas frustrações?

Pelo que se viu até agora em 2015, o Vasco e o Figueirense serão meros figurantes nas próximas fases da Copa do Brasil. Dificilmente um deles chegará às finais. E o pior: atuando em dupla frente, ampliam o risco de cair para a Segundona.

É o que se começará a conferir no confronto que abrirá a 21ª rodada do Brasileirão às 18 horas do sábado no Maracanã. O Figueirense ainda tem uma pequena folga, o Vasco já está atolado no fundão.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s