Não esqueça a Caldense, Levir

Levir Culpi pegou pesado em entrevista coletiva, nesta sexta-feira, em Belo Horizonte:

– O Campeonato Brasileiro de 2015 já está manchado pela arbitragem.

E, para que não fiquem dúvidas sobre o que o curitibano Levir mineiramente quis dizer, ainda soltou esta durante a entrevista:

– Ficamos desconfiados, sim, porque vivemos num país desonesto. Somos na essência um país desonesto.

Não se ouviu Levir Culpi falar de desonestidade quando o seu Atlético Mineiro ganhou o título estadual, exatamente há quatro meses, ao vencer a Caldense por 2 a 1 graças ao  gol decisivo marcado por Jô em impedimento que o árbitro Emerson de Almeida Ferreira e o bandeirinha Guilherme Camilo, muito mal colocado, não viram.

Será que em maio o Brasil ainda não era, aos olhos de Levir, “um país desonesto”?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s