Nada se compara ao Vasco neste Brasileirão

Pode acreditar: o Vasco fez um gol.

Parece pouco? Pois não se esqueça de que isso tinha acontecido pela última vez neste Brasileirão em 26 de julho, na derrota por 4 a 1 para o Palmeiras, quando o Vasco ainda mandava seus jogos em São Januário.

Oito jogos se seguiram, o Vasco empatou um e perdeu sete, e foi neste sétimo, ao perder por 2 a 1 para o Atlético Mineiro no Maracanã, que o time marcou seu nono gol no Brasileirão. O jogo abriu a 23ª rodada.

O gol foi de pênalti, no mínimo discutível, cobrado por Nenê aos 28 do segundo tempo, quando o Atlético já vencia por 2 a 0, gols de Lucas Pratto, também em cobrança de pênalti, e de Dátolo, ambos no primeiro tempo.

Agora, o Atlético vai torcer para que o Palmeiras vença o Corinthians amanhã no Allianz Parque. Assim, ficará a apenas quatro pontos do líder.

No Morumbi, com gols do estreante Rogério e do experiente Michel Bastos, o São Paulo quase todo reserva venceu por 2 a 0 o Internacional, que havia goleado o Vasco por seis na rodada anterior.

Com 38 pontos, o São Paulo está de novo no G-4, não só pelo que fez em casa, mas também pelo que o Atlético Paranaense deixou de fazer em Curitiba, não saindo do 0 a 0 com o Joinville, que jogou com dez desde a expulsão do lateral Diego aos 28 minutos do primeiro tempo.

O Atlético Paranaense vai dormir em quinto lugar, com 37 pontos, mas cairá para o sexto se o Palmeiras vencer o Corinthians. O Joinville continuará na vice-lanterna, oito pontos à frente do Vasco.

Nada se compara ao Vasco.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s