O bilionário futebol chinês vai atacar o Brasil

A Superliga da China, que reúne 16 equipes em seu campeonato, vai faturar € 1,120 bilhão de 2016 a 2020 com os direitos de TV, negociados com a agência Ti’ao Power.

Serão € 140 milhões anuais em 2016 e 2017 e € 280 milhões nas três edições seguintes da competição.

Nesta temporada, o faturamento do Campeonato Chinês com as transmissões por tevê foi de apenas € 11,22 milhões.

Isso significa que o Brasil vai perder ainda mais jogadores para o futebol chinês nos próximos anos. Infelizmente.

Hoje, atuam na Primeira Divisão 28 jogadores brasileiros – entre eles, Robinho, Diego Tardelli, Paulinho e Ricardo Goulart.

Também trabalham na China os técnicos Luiz Felipe Scolari, comandante do Guangzhou Evergrande, atual líder do campeonato, e Cuca, do Shandong Luneng, quarto colocado.

E mais: para lá está indo Vanderlei Luxemburgo, que ganhará milhões se em 2016 tirar da Segunda Divisão o Tianjin Songjiang para dividir os bilhões da Primeira em 2017.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s