Esqueça os 7 a 1, o problema é outro

De longe, tendo acompanhado a Copa do Mundo apenas pela tevê, Sir Alex Ferguson, o treinador que comandou o Manchester United por mais tempo do que Neymar tem de vida e Rogério Ceni tem de bola,  enxerga melhor o verdadeiro problema do futebol brasileiro dentro de campo do que muita gente por aqui.

Em entrevista a Alex Sabino, publicada hoje na edição impressa da Folha, Ferguson mata a charada em dois parágrafos ao falar de Alemanha 7 x 1 Brasil na semifinal de 2014:

Os alemães criaram uma escola, uma identidade de jogo, o que todas as seleções deveriam buscar e um dia foi a marca do Brasil.

Se me pergunta sobre o Brasil, eu acho que a preocupação deveria ser com isso, não com a derrota. Aquilo foi um acidente, um grande acidente.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s