Isto é Romário em estado puro

Duas ou três coisas ditas por Romário ao repórter Rafael Andery, que você pode ler na revista Serafina que está nas bancas com a Folha de S.Paulo deste domingo, 26 de julho, ou simplesmente clicando aqui:

“Essa geração é uma merda. Tem o Neymar, o Neymar e o Neymar.”

“Tudo tem um limite. E o futebol brasileiro chegou ao seu.”

“Eu não tenho meia palavra, não levo três minutos pra falar uma coisa que pode ser falada em cinco segundos.”

Rafael Andery lhe lembra, a certa altura da conversa, que, como jogador, ele jamais tocaria a bola para um companheiro se tivesse 0,1% de chance de fazer um gol, e Romário não desconversa:

“Não daria o gol nem para a Ivy. Ela teria que esperar a próxima.”

Ivy, de 10 anos, é filha caçula e xodó de Romário, tem síndrome de Down e acompanhou a entrevista em Brasília.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s