Arquivo diário: 27 de julho de 2015

O ‘soccer’ descobre o mundo

O Montreal Impact, sexto colocado entre os dez times da MLS  agrupados na Conferência Leste, anunciou hoje a contratação do marfinense Didier Drogba, que estava no Chelsea.

A contratação de Drogba, que conquistou pelo clube inglês o título da Liga de Campeões da Europa em 2012, é mais uma demonstração clara de que o soccer está em processo acelerado de desenvolvimento e mira o mercado internacional, o que é absoluta novidade no fortíssimo mercado esportivo norte-americano.

Drogba fará companhia a outros astros do futebol mundial, todos campeões europeus de clubes, que também desembarcaram no campeonato da MLS nesta temporada:

♦ Andrea Pirlo, David Villa e Frank Lampard, no New York City

♦ Kaká, no Orlando City

♦ Steven Gerrard, no LA Galaxy

A debandada de meias e volantes

O Campeonato Brasileiro está cada vez mais pobre no meio de campo. E, ao que parece, continuará empobrecendo. Volantes e meias estão indo embora, raramente para jogar lá fora num time de qualidade.

Tudo indica que o chileno Aránguiz vai mesmo trocar o Internacional pelo Bayer Leverkusen.

Valdivia já trocou o Palmeiras pelo Al Wahda, dos Emirados Árabes.

Está claro que o Porto não vai desistir facilmente de tirar Lucas Lima do Santos.

O Santos já não tem Robinho, que foi para o Guangzhou Evergrande, da China, e Elano vai para o Chennaiyin, da Índia.

O São Paulo perdeu Denílson para o Wahda, dos Emirados Árabes, e Souza para o Fenerbahce, da Turquia.

Renato Cajá deixou a Ponte e foi jogar com Denílson no meio de campo do Al Wahda.

Como é que a bola vai rolar no Brasileirão?

Um homem de palavra

Quando contratou Adilson Batista para o comando técnico do Joinville há menos de dois meses, o presidente Nereu Martinelli garantiu:

– Ele está vindo para ficar o ano inteiro e o ano que vem se ele quiser. Podem tirar o presidente, mas eu não vou trocar de treinador.

Ontem, após a derrota por 2 a 0 para o Santos na Vila Belmiro, Martinelli mostrou o quanto vale a palavra de certos cartolas: demitiu o treinador.

Nem todo ouro do Pan é olímpico

Das 41 medalhas de ouro conquistadas pelo Brasil no Pan-Americano de Toronto, sete foram em provas que não serão disputadas na Olimpíada do Rio.

Caratê, patinação artística, boliche, slalom na canoagem feminina e conjunto com fitas na ginástica rítmica não constam do programa olímpico.