O perigo ronda o futebol

Em Curitiba, depois da derrota para o São Paulo por 2 a 1, a torcida do Coritiba forçou a entrada no vestiário para ‘conversar’ com os jogadores.

Na Ponte Aérea Rio-São Paulo, depois da derrota para o Corinthians por 1 a 0, torcedores do Flamengo criaram uma grande confusão antes do embarque em Congonhas e, no voo, xingaram e ofenderam os jogadores até que o comandante exigiu que se aquietassem.

Em Goiânia, chamado de “vagabundo” após a derrota do Goiás para o Cruzeiro por 2 a 1, Felipe Menezes tentou agredir o torcedor.

O futebol está virando uma atividade de risco no Brasil.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s