Grêmio põe os pés na China

O Grêmio está fazendo um convênio com a escola de futebol Black Panthers de Zhuhai, cidade da província chinesa de Guangdong, para ajudá-la na descoberta e no desenvolvimento técnico de jogadores que possam chegar aos times da primeira divisão do país.

E sonha com uma grandiosa contrapartida:

– A presença do Grêmio na China pode ser um impulso para sua marca num país de grande população – lembra Hugo Manzanilla, CEO da Black Panthers, que trabalha com 26 campos de futebol e emprega 90 treinadores.

Se o futebol realmente pegar por lá, como parece que vai pegar, o mercado chinês poderá mudar muita coisa no futebol mundial.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s