Naming rights? Nem o filho do Andrés sabe

Andrés Sanchez:

Andrés Sanchez: “O torcedor pode ficar tranquilo”

Trecho de uma boa entrevista, mais pelas perguntas bem feitas do que pela sucessão de respostas mal educadas, do corintiano Andrés Sanchez ao repórter Diego Garcia, do ESPN.com.br:

No dia 6 de fevereiro de 2012, você falou na sabatina da Folha de S.Paulo que tinham sete empresas negociando naming rights com a arena e…
…Hoje conversamos só com duas.

Só que você também disse que 30 ou 40 dias depois que o Mário Gobbi assumisse a presidência isso seria divulgado. Ele assumiu em 11 de fevereiro de 2012.
Atrasou três anos. 

Por quê?
É difícil.

Como estão hoje as conversas com essas duas hoje?
Nem meu filho sabe.

Pode fechar em breve?
Nem meu filho sabe.

É segredo?
Se nem meu filho sabe…

Quanto você pede hoje nos naming rights?
Não sei.

ESPN – Pede a mesma coisa de antes?
Não sei. Eu nunca falei valor.

Quanto você esperava antes?
Nunca falei valor.

Especulava-se R$ 400 milhões.
Especulava-se. Pode ser 200, pode ser 800. Ninguém sabe.

Mais ou menos que 400?
Não sei.

Você espera fechar por qual valor?
Um valor que satisfaça o Corinthians.

Esse valor é igual ao que te satisfaria em 2012?
Não sei. Um valor que satisfaça o Corinthians. E vai ser fechado, o torcedor pode ficar tranquilo. Apesar de a imprensa não acreditar, a gente vai fechar.

Nem o filho do Andrés sabe quando.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s