Arquivo diário: 22 de maio de 2015

Corinthians escancara a porta de saída

A moçadinha quer ir embora, os velhinhos estão sendo defenestrados.

O diretor de futebol pediu para sair, o superintendente dá expediente em Brasília.

E Tite que se vire para reformular o elenco, como parece disposto a tentar, segundo a avaliação que fez na entrevista coletiva de hoje:

– É desafiador, é a oportunidade, adaptação à realidade. É do jogo.

Mundial será jogado em Yokohama e Osaka

O Mundial de Clubes será disputado, de 10 a 20 de dezembro, em duas sedes, anunciou hoje a Fifa: Yokohama e Osaka.

O Estádio Osaka Nagai receberá dois jogos das quartas de final, a disputa pelo quinto lugar e uma das semifinais. Os demais jogos da competição serão disputados no Estádio Internacional de Yokohama.

O Mundial de Clubes reúne os campeões das cinco confederações continentais filiadas a Fifa e o campeão nacional do país-sede.

Já garantiram presença no Japão o neozelandês Auckland City, campeão da Oceania, e o mexicano América, campeão da Concacaf.

No dia 6 de junho, conheceremos o campeão europeu: Juventus ou Barcelona. O campeão sul-americano será definido no começo de agosto.

O que são R$ 2,5 milhões para a Lusa?

Você se lembra de um meia chamado Thiago Barcellos, que jogou na Portuguesa entre 2000 e 2003?

Sinceramente, nem eu.

Pois saiba que, por decisão da 59ª Vara da Justiça do Trabalho de São Paulo, o Estádio do Canindé pode ser leiloado para saldar uma dívida da Lusa com ele.

Os valor da dívida não parece preocupar o clube, como se pode depreender da informação do advogado José Eduardo Dias Yunes a Luciano Borges, reproduzida há pouco no Blog do Boleiro:

– Não passa de dois milhões e meio de reais.

E a Lusa é ré em mais de uma centena de ações trabalhistas que correm na Justiça de São Paulo, algumas movidas por nomes mais conhecidos no mundo do futebol, como o atacante Ricardo Oliveira, por exemplo.

Gol de Marquinhos dá vitória e vantagem ao Cruzeiro

Marquinhos 1 a 0Marquinhos vibra com gol que deixa o Cruzeiro mais perto das semifinais da Libertadores

Era tudo o que o Cruzeiro queria em Buenos Aires na noite desta quinta-feira, 21: aos 36 minutos do segundo tempo, o garoto Gabriel Xavier ganhou a bola de graça numa saída errada do River e tocou para o gol, Barovero salvou, mas  Marquinhos aproveitou o rebote e fez 1 a 0.

Estava garantida uma ótima vantagem para o jogo de volta no Mineirão, quarta-feira que vem, dia 27.

No primeiro tempo, embora o Cruzeiro tenha começado bem, o jogo pendeu um pouco mais para o River, menos nervoso e mais consciente. Fábio fez uma grande defesa numa bola enfiada para Teo Gutiérrez entrar livre na área. Foi a grande chance dos argentinos em todo o jogo.

No segundo tempo, o Cruzeiro voltou melhor, com os nervos dominados, chegou muito perto de abrir o placar aos 18 minutos na primeira boa jogada criada por Gabriel Xavier, que rolou a bola para Willian ajeitar à sua feição e tocar para o gol no contrapé de Barovero. Vangioni salvou o gol em cima da na linha.

Estava provado que o Cruzeiro poderia bater o River no Monumental de Nuñez e cuidar em casa de garantir a vaga nas semifinais das Libertadores.

Mais uma Marcelo Oliveira mostrou que sabe o que está fazendo. Ao trocar o garoto Arrascaeta, em noite muito apagada, pelo garoto Gabriel Xavier, abriu os caminhos para a vitória.