Uefa pede rapidez no julgamento de Platini

O Comité Executivo e as 54 federações nacionais filiadas à Uefa encerraram, há pouco, uma reunião em Nyon, na Suíça, com uma declaração pública muito cuidadosa sobre as agruras por que passa seu presidente Michel Platini, que foi suspenso por 90 dias pelo Comitê de Ética da Fiifa, mas ainda não desistiu de concorrer à presidência da entidade em 2016.

Diz a nota oficial divulgada pela Uefa:

Apoiamos o direito de Michel Platini ao devido processo legal, a um julgamento justo e à oportunidade de limpar o seu nome.

♦ A todas as instâncias envolvidas no atual processo – o Comité de Ética da FIFA, o Comité de Recursos da FIFA e, em última instância, o Tribunal Arbitral do Desporto – pedimos que trabalhem o mais rapidamente possível para garantir que uma decisão final sobre o caso surja, o mais tardar, em meados de novembro de 2015.

Talvez Platini esperasse um pouquinho mais de solidariedade dos europeus.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s