Arquivo diário: 3 de junho de 2015

Alô, alô, torcida do Vasco: a aflição voltou

Fim de jogo em São Januário: Vasco 0 x 3 Ponte Preta.

O jogo nem tinha começado e a Ponte já vencia por 1 a 0. No cronômetro, menos de um minuto.

Gilberto: noite triste

Gilberto: noite deprimente

Aos 21, magnânimo com o anfitrião, o Héber Roberto Lopes lhe deu de presente um pênalti. Mal agradecido, Gilberto chutou a bola no meio do gol e o goleiro Marcelo Lomba simplesmente a rebateu com os pés.

Aos 28, Felipe Azevedo caminha livre pelo campo de defesa do Vasco, dribla Jordi fora da área e é derrubado por ele. Cartão vermelho, merecido, para o goleiro do Vasco.Dez minutos depois, Tiago Alves fez 2 a 0.

A Ponte continuou dando as ordens no segundo tempo, embora sempre com menos posse de bola do que o Vasco, e fez 3 a 0 aos 32.

Aos 44, Gilberto foi expulso por reclamar demais. E não era de sua atuação. Noite deprimente.

Como o Atlético Paranaense venceu o Figueirense por 1 a 0, continua na liderança do Brasileirão e de lá não mais pode ser tirado nesta quinta rodada.

A Ponte, com 11 pontos, um a menos do que o líder, está em segundo lugar, mas pode ser alcançada por Sport ou Goiás, que se enfrentarão amanhã.

A Chapecoense, para um mínimo de felicidade dos vascaínos, venceu por 2 a 0 o Joinville, que assim continua na lanterna.

E o Vasco? Afundado no Z-4, vai torcer por um empate entre Cruzeiro e Flamengo daqui a pouco para continuar com vizinhança ilustre e, melhorando um pouquinho o índice de aproveitamento das cinco primeiras rodadas, chegará ao final do Brasileirão com 23 pontos, tendo marcado oito gols.

A aflição voltou. E, pelo jeito, para ficar.

Anúncios

Mundial feminino: a Conmebol não sabe o que diz

Este blog apenas transcreve o que tem a dizer a Conmebol sobre o Mundial de Futebol Feminino que começará sábado, dia 6, no Canadá:

  • A Copa Mundial do Canadá-2015 marcará um antes e um depois no mundo do futebol feminino: jugarão 24 seleções por primeira vez, em seis sedes, com uma cobertura televisiva nunca vista antes neste esporte.
  • Tudo isso só serve para destacar, mais uma vez, a ascensão do futebol feminino no mundo, cuja relevância é cada vez mais global.

Entendeu?

Não adianta ir à fonte. A transcrição é absolutamente fiel. Quem não acredita pode conferir no site da Conmebol. Basta clicar aqui.

Artilheiros fazem dobradinha contra presidente da CBF

Romário e Ronaldo 36Romário e Ronaldo retomam parceria dos campos e pedem que Del Nero deixe a CBF

Em tom menos estridente do que o do senador Romário, o fenômeno Ronaldo concedeu hoje uma entrevista coletiva e aderiu, sem subterfúgios, à campanha por mudanças imediatas na CBF:

– Adoraria que Del Nero renunciasse também. Ele não tem dado grandes exemplos. É evidente a relação com Marin. Seria bom momento para renunciar, mas vamos aguardar as investigações.

Não é será fácil para o presidente da CBF encarar esta dupla de ataque, protagonistas das Copas do Mundo de 1994 e 2002, as últimas conquistadas pelo futebol brasileiro.

Rodada começa a definir quem é quem no Brasileirão

A liderança se resolve logo cedo, num dos três jogos das 19h30, bastando ao Atlético Paranaense, em casa, vencer o Figueirense, 15º colocado, para lá se manter ao final desta quinta rodada do Brasileirão, que se estenderá até amanhã e tem quatro confrontos entre grandes:

  • Hoje, às 21h: São Paulo x Santos
  • Hoje, às 22h: Grêmio x Corinthians e Cruzeiro x Flamengo
  • Amanhã, às 21h: Palmeiras x Internacional

São Paulo e Corinthians estarão empenhados em não se afastar da turma da frente, Palmeiras, Santos, Grêmio e Internacional jogarão para se afastar da turma de trás, Flamengo e Cruzeiro tentarão ganhar um mínimo de oxigênio no Z-4.

A rodada do meio de semana, com nada menos do que 14 jogadores de oito diferentes equipes sequestrados por várias seleções que se preparam para disputar a Copa América no Chile, pode começar a definir a vida de muita gente neste Brasileirão – e ameaçar o emprego de mais alguns treinadores.

Vasco, Flamengo, Cruzeiro e Figueirense, instalados no Z-4, tentarão a primeira vitória no campeonato.

Com certeza, será grande a torcida pelo Figueirense contra o Atlético Paranaense e não faltará quem torça amanhã por um empate entre Sport, vice líder, e Goiás, quarto colocado, ambos com oito pontos.

E nem a antipatia generalizada por Eurico Miranda impedirá o apoio nacional ao Vasco para que saia do fundão tirando a Ponte Preta do G-4.